Fantasia no consultório

Ano passado recebi o convite de um admirador para conhecer sua clínica nova aqui na cidade. Ele que me conheceu no meu canal antigo no Youtube, já havia trocado muitas mensagens e e-mail comigo e a sua clínica era a realização de um sonho. O meu era transar na mesa de uma. 😅

Marcamos então a minha consulta para as três da tarde. A clínica ficava num prédio comercial enorme, mas o espaço entre sala do médico e recepção era muito curto, de cara eu achei impossível rolar alguma coisa ali sem que a secretária percebesse. 

Depois dos tramites comuns de preenchimento de cadastro, aguardei que ele me chamasse. Fiquei um pouco nervosa, pois era a primeira vez que iria vê-lo pessoalmente depois de muitos meses trocando mensagens. 

Até que finalmente ele apareceu na recepção e me chamou. Entrei, sentei de frente para ele e conversamos por um tempo. Apesar dele ser um homem interessante, meu objetivo ali era um só. 

Levantei para que ele medisse umas paradas lá e até ali eu já estava achando que não rolaria, pois tudo se encaminhava muito profissional. Até que depois de um silêncio constrangedor, finalmente ele disse que estava difícil segurar a  vontade de me agarrar ali mesmo. 

Era a brecha que eu precisava, então eu lhe disse: não passe vontade. Foi necessário apenas uma frase para que ele soltasse a parafernália de consulta que tinha na mão para me encostar na mesa e beijar. 

O homem era todo grande... a boca era maior que a minha, me senti a chapeuzinho vermelho com medo de ser engolida pelo lobo e uma pegada muito gostosa. 

Aos poucos tirou minhas peças de roupa de baixo, levantou as de cima e logo eu estava semi nua de pernas abertas na mesa com os seus lábios me sugando inteira. Um pecado não poder me expressar com gemidos naquele cubículo médico, mas ainda assim, valeu a pena, a pressão de saber que tinha alguém ali ao lado aumentava mais a tensão e o tesão. 


Retribui com a minha boca no seu pau, sentado na cadeira e segurando meus cabelos para cima, imagina se eu sou a sua secretária particular e meu trabalho fosse esse, é provável que eu não reclamaria. 

Depois do sexo oral, deitei de bruços no espaço que me cabia na sua mesa, com minha bundinha empinada, esperei ele colocar o preservativo e logo senti aquele pau latejante se encaixar dentro de mim.

E ali ficamos transando entre gemidos sufocados e o calor excitante que o ar-condicionado já não conseguia refrescar, enquanto do lado de fora, a vida seguia normalmente. 

Gozamos, deliciosamente. Nos limpamos, nos vestimos, terminamos a consulta e fui embora lindamente, realizada a minha fantasia de fazer sexo num consultório médico. 


CONVERSATION

11 comentários:

  1. Now the office is no longer a tedious place, it's a hot place!
    Hugs

    ResponderExcluir
  2. Respostas
    1. Ah, mas as aventuras não precisam acabar né? Na vida pessoal é legal dar umas diversificadas tbm, hahaha

      Excluir
  3. Eu não acho que uma esposa tenha mais moral que uma prostituta, mas elas estào fazendo a mesma coisa". Palavras do Príncipe Philip da Inglaterra, morto hoje - 08 de abril 2021, depois de 73 anos de casado com Rainha Elizabeth. É isso mesmo, amiga - aquela a que chamam Ninahonorato ?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahahaha
      Eu não tenho esposa, você tem? Me responda você!

      p.s. tive que apagar alguns comentários seus aqui porque veio triplicado.

      Excluir
  4. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Como gostaria de ter a chance sair contigo antes do encerramento da tua carreira.mas infelizmente não tem como. Como você mesma me disse. Amigos não rola. Mas é uma fantasia minha. Gostaria muito que me permitisse viver um momento contigo

    ResponderExcluir